Somos especialistas em mídias de performance, SEO, Criação e desenvolvimento, e todas as esferas do Marketing Digital.
Alameda Campinas
São Paulo
São Paulo
01404001
Brasil
Em : SEO - Otimização Comentários : 0 Autor : Performa Web Data : 07 nov 2014
Tempo de carregamento do site: top ferramentas de análise

Os sites enfrentam inúmeros critérios que definem seu posicionamento nos mecanismos de pesquisa, sendo necessário atualizar as tratativas de forma contínua para evitar quedas de posição. Em geral, muitas pessoas ao criar um site esquecem de levar em conta as práticas de SEO, como otimizar o tempo de carregamento e a estabilidade do site (ou servidor), dois fatores importantes que são constantemente ignorados.

O Google utiliza o tempo de carregamento como critério de posicionamento desde 2010. Uma página muito pesada, com imagens sem tratamento dificultará o trabalho dos robôs que fazem as leituras. Então, se o site tiver requisições demais ou apresentar falhas no carregamento, possivelmente o Google optará por outro site “menos problemático”.

Além dos buscadores, temos que levar em conta a experiência do usuário e evitar que ele procure outro site. Diversas empresas efetuaram estudos sobre a performance em sites, como por exemplo:

  • O Yahoo descobriu que, para cada 400ms de melhora na performance, seu tráfego aumenta em 9%; 
  • A Mozilla aumentou o número de downloads em 15% diminuindo 2,2 segundos no tempo de carregamento da landing page do Firefox, totalizando um ganho de mais de 60 milhões de downloads por ano; 
  • No caso dos e-commerces, a Forrester Research afirma que 40% dos compradores esperam cerca de três segundos antes de abandonar o site; 
  • Em um de seus experimentos, o Google aumentou o número de resultados por página de 10 para 30. Isso aumentou o tempo de carregamento de 0.4s para 0.9s, o que diminuiu em 20% o tráfego das buscas.

Confirmamos que um site com tempo de carregamento alto aumenta a taxa de rejeição, sendo assim, os mecanismos de pesquisa param de indica-lo a novos usuários. Veja abaixo as principais ferramentas que podem ser usadas para analisar o tempo e o desempenho do seu site:

GOOGLE PAGESPEED

Ferramenta do Google criada para orientar os desenvolvedores a criar sites mais amigáveis. Quanto mais próximo o site estiver da pontuação 100, melhor o desempenho. Essa ferramenta não apresenta o tempo de carregamento, porém mostra uma avaliação de problemas que podem ser corrigidos.

Google PageSpeed

 PINGDOM 

Essa ferramenta é mais voltada para o desenvolvimento e código fonte, ela mostra em tempo real o carregamento do site, listando em um relatório todas as requisições feitas por ele.

Pingdom

WEB PAGE TEST

Com essa ferramenta é possível escolher o cenário no qual o teste será efetuado. É possível escolher o local de onde será acessado, a partir de qual navegador, dentre muitas outras configurações. O resultado é apresentado em cascata, apresentando notas desde o primeiro acesso, até a resposta de um CDN.

Com as ferramentas acima é possível captar diversas informações sobre o carregamento de um site e com isso, identificar onde está o seu gargalo. Na próxima postagem iremos listar alguns problemas comuns de se encontrar em sites de empresas.

Leave a Comment

Analise o SEO do Meu Site Grátis!